top of page
Buscar
  • Patrícia Oliveira

Mulheres Taoistas - Hé Xiāngū (何仙姑)


Representação de Hé Xiāngū (何仙姑)

Hé Xiāngū (何仙姑) - é a única mulher entre os 8 Imortais Taoista (Bāxiān 八仙) - viveu na Dinastia Tang (618 a 907 EC.), filha do herborista Hé Tài (何泰), fez votos de manter o celibato, para se dedicar exclusivamente ao Dào (道).

Ela passou sua juventude indo de pico em pico, nas montanhas, para coletar ervas e alimentos para sua mãe e ajudar os pobres do local.

Em sua prática de Qìgong 氣功 ela conseguiu cessar sua menstruação (para não perder energia com a hemorragia) e a se nutrir com o orvalho celeste.


Os Oito Imortais Taoistas

Ela atingiu a Imortalidade na idade de 40 anos, após seguir o Imortal Lǚ Dòngbīn呂洞賓 (Lu Tongpin), que lhe ensinou a Alquimia Interna, dando a ela o Pêssego da Imortalidade, após comê-lo ela pôde fazer a jornada, em seu corpo espiritual, para render homenagem à Deusa Taoísta Xī Wáng Mŭ 西王母 (A Mãe Rainha do Oeste), que a levou para os Jardim Ilimitados do Céu, que se tornaria sua nova casa.

Ganhou muita fama no país e foi convocada pela Imperatriz, ordem que ignorou e ascendeu aos Céus. Alguns anos depois ela foi vista flutuando em um arco-íris sobre o templo de Mágū 麻姑.


Hé Xiāngū (何仙姑) é representada com uma flor lótus, um cervo tocando um instrumento de sopro shēng 笙, seu trigrama é o Kūn 坤 (Terra), está ligada à energia Tài Yīn 太陰 e ao Fênix (Fènghuáng 鳳凰).


111 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page